Embalagens Inovadoras - Como a Dell passou do convencional ao cogumelo Postado em: 17/05/2016 - 14:26

Você já parou para pensar que quase todos os produtos que consumimos hoje chegam dentro de embalagens? Sejam elas de plástico, vidro, papel ou metal, as embalagens envolvem os produtos com seu dever de proteger e até de informar sobre o que você acabou de adquirir.

De acordo com o Triple Pundit, cerca de 76 milhões de toneladas de embalagens e recipientes são descartados anualmente em toda América. Isto representa 30% da composição dos resíduos americanos. E tudo isto vai parar em aterros, incineradores ou em lagos e mares. A notícia triste? Este é um número espantoso e muito improvável de diminuir tão cedo.

No entanto, pensando neste problema, empresas já estão desenvolvendo novas estratégias de redução de suas embalagens e criação de alternativas mais sustentáveis, como embalagens recicláveis e embalagens inovadoras.

É o caso da empresa de tecnologia Dell. Em 2008, ela estabeleceu a meta de, ao final de 2012, ter reduzido suas embalagens em 10%. E graças às inovações de design e novas formas de fabricação adotadas, a Dell passou seu objetivo e declinou a produção de embalagens em 12,1%.

Esta iniciativa adotada pela empresa é conhecida como \"3 C\'s\": cube (redução de tamanho de embalagens), concent (utilização de materiais reciclados como matéria-prima) e cuberside recyclability (reciclagem de embalagens). A Dell viu na iniciativa oportunidade de inovação, que vem apresentando muitas mudanças e resultados positivos. 

Uma de suas medidas mais recentes foi adotar embalagens à base de cogumelos em 2013. Segundo a Dell, não foi fácil introduzir esta tecnologia que vinha sendo estudada e testada desde 2011. Porém, a inovação foi um sucesso quando acertada. Funciona da seguinte forma: esporos de cogumelos são injetados em moldes de resíduos agrícolas e, ao crescerem, formam uma espécie de almofada que protege o produto. Desta forma, a Dell substituiu embalagens de isopor comuns na linha de produção por opções sustentáveis e até mesmo compostáveis.

Outras inovações feitas pela empresa de tecnologia que se destacam é a embalagem com base de bambu e de palha de trigo, embalagens de carbono-negativo, utilização de plástico reciclado como parte da matéria-prima e fabricação de embalagens recicláveis.

Estas soluções conseguiram reduzir 9 toneladas de embalagens nos últimos 2 anos. Além da redução no volume de embalagens e na melhoria da reputação da marca, outros resultados positivos para Dell foram menores gastos da empresa e maior eficiência no transporte e armazenamento de seus produtos.

Este é um exemplo incrível de como é possível se beneficiar através de embalagens inovadoras. Com o investimento certo e com uma ideia promissora, a Dell transformou o meio ambiente de um obstáculo às suas operações em uma baita vantagem competitiva. Quem diria que uma empresa de tecnologia poderia fazer tanto só com cogumelos?


Ei, ficou com alguma dúvida? Quer fazer um comentário? Manda um e-mail pra gente em marketing@hpt.com.br que te colocamos em contato diretamente com o redator deste post!